Dúvidas

1. Qual a diferença entre lente digital e free form?

Para alguns profissionais de óptica ainda existem dúvidas sobre a nova Tecnologia Digital e Lentes Free Form. Todas lentes produzidas com essa tecnologia são ofertadas como lentes digitais por serem produzidas na Surfaçagem digital, porém, as vantagens de lentes digitais é a produção de lentes com precisão nas dioptrias em todos os materiais sem retrabalhos ou perdas durante o processo.

Já as lentes genuinamente Free Form, para serem produzidas, além da tecnologia da surfaçagem digital, necessitam de um software para a produção de lentes que podem ser Lentes Monofocais ou Progressivas, com um trabalho ponto a ponto com multi passo, com 0.01 Dioptria de precisão e progressão das curvas totalmente otimizadas.

2. Porque centrar uma DNP só para melhorar a espessura da lente?

Centrar ou descentrar o cento ótico de uma lente, em função da DNP, nada mais é que deslocar o centro ótico para o centro horizontal da armação para com isto, fabricar a lente menor, no caso das lentes positivas. Com isso, melhorarem a espessura, porém, ao usar este artifício estamos gerando prisma nasal ou temporal, o que poderá gerar desconforto e inadaptação em alguns casos.

3. Como calcular o diâmetro?

A fórmula comumente usada é:

PONTE + ARO – DP + DIAGONAL MAIOR + 2mm no entanto, devemos tomar cuidado com alguns detalhes tais como: PONTE = é o menor espaço entre as duas lentes;

ARO = é a maior distancia da lente na horizontal;

DP = é a menor DNP multiplicado por 2;

DIAGONAL MAIOR = é a maior distância da lente em qualquer direção;

2mm = é o que acrescenta-se como margem de segurança.

Lembrando que o diâmetro é importante para evitar lentes espessas em casos de lentes positivas pois, quanto menor o diâmetro mais fina a lente ficará numa mesma dioptria.

Olá parceiro, converse comigo pelo Whats app!